Destaques

Furto de fios compromete abastecimento de água do Hospital São Julião

O Hospital São Julião sofre com desabastecimento de água desde o início da noite de quarta-feira, 25. O motivo: foram furtados fios elétricos da bomba de água que abastece todas as necessidades do hospital, que está operando em capacidade máxima nos leitos.

De acordo com o diretor administrativo do hospital, Amilton Fernandes Alvarenga, o furto foi percebido porque o reservatório sinalizou baixa de água. Foram furtados aproximadamente 250 metros de cabo unipolar de 50 mm, que ligavam a bomba de água do poço artesiano até a casa de máquinas.

Como socorro imediato na noite de quarta-feira o vereador Eduardo Romero mediou o abastecimento com caminhão pipa da empresa Águas Guariroba e com executivo municipal. O hospital utiliza diariamente 250 mil litros de água para abastecer as 68 edificações onde funcionam centro cirúrgico, terapia ocupacional, leitos, cozinha, casa de funcionários, área rural com horta e animais, entre outras necessidades. A área total é de 230 hectares.

Amilton Fernandes salienta que o São Julião funciona como retaguarda do Hospital Regional, que foi definido como hospital referência no trato com coronavírus. ‘Pacientes de lá são trazidos para o São Julião na necessidade de leitos para pacientes em tratamento do coronavírus. Estamos com pouquíssimos leitos, operando na linha da lotação máxima’, diz preocupado o administrador pela problemática da falta de água que vai ocorrer até o hospital conseguir fios para restabelecer a bomba de água.

Mostrar Mais

Relacionados

Close
Close